Como se constitui a Escrita: Letramento na Turma da Amoreira

O trabalho com o Letramento nesta nova turma – a Turma da Amoreira – tem acontecido lentamente, sem me esquecer da ludicidade necessária à vida de todos nós e também de seres de tão tenra idade: 03 a 05 anos.

Ocorre em mim a mesma preocupação de tantos educadores, bem como de Leite (2008, p. 22): “(…) o envolvimento com as práticas sociais de leitura e escrita constitui-se como uma condição necessária, embora não suficiente, para o pleno exercício da cidadania“. Sabe-se que o exercício cidadão ultrapassa as barreiras da leiura e da escrita, mas penso que são delas que partem em busca dos direitos, das escolhas, dos deveres, nossas pequeninas crianças.

Eu enquanto educadora tenho por obrigação privilegiar o espaço que ocupo para atuar como incentivadora, mediadora, motivadora das crianças com a escrita.

Então… um dia desses a Maria Manuela encontrou na caixa de livros de história, um gibi.

As crianas costumam se encantar pela capa dos livros e depois de “degustá-los” pedem para que eu os leia. Isso é muito interessante, nesta turma! E, voltando ao gibi da Manu, falei que  o chamamos de de GIBI, cujas histórias são em quadrinhos.

Bom e conversa vai, conversa vem pensei em propor uma história em quadrinhos para eles. Como temos trabalhado a vida do Bicho da Seda, que começou porque somos a Turma da Amoreira e lemos a poesia de João Petreti e Marília Cotomacci, assistimos também a vários vídeos no Youtube sobre a sua vida, o que foi produzido girou em torno deste assunto.

Imagem
LIVRO DE POEISAS QUE CONTRIBUI COM O TRABALHO DO LETRAMENTO

Uma historieta sobre a uma trajetória de vida que inicia de uma Mariposa que gera uma larva – Bicho da Seda, que se transformará em outra Mariposa…

Tenho tomado o cuidado de ao ler um livro de histórias ou de poesias, citar o autor, o ilustrador, fazê-los perceber que o texto e as ilustrações são referência um do outro e então mãos a obra no ateliê de desenhos para os interessados neste novo trabalho.

ILUSTRADORES
ILUSTRADORES

Olhem o resultado da nossa primeira história em quadrinhos em que tanto letramento, quanto  desenho,  gênero textual foram trabalhados de uma forma agradável e significativa.

Imagem
HISTÓRIA DEPOIS DE PRONTA EM NOSSO LIVRO DA VIDA.

BIBLIOGRAFIA

LEITE, Sergio Antonio da Silva. Alfabetização e letramento: contribuições para as práticas pedagógicas. Campinas, SP: Komedi, 2008.

PROTETI, João. À toa, à toa; ilustração de Marília Cotomacci. Campinas, São Paulo: Papirus, 1998.

2 thoughts on “Como se constitui a Escrita: Letramento na Turma da Amoreira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s